sexta-feira, 29 de janeiro de 2010

Fonte de Mergulho.

Um pouco por todo o interior das aldeias das Beiras, da-mo-nos de caras com autenticas magnificas fontes que em tempos os povos faziam nas fontes de mergulho o seu reabastecimento de água para todas as tarefas caseiras, além da alimentação incluindo para os cozinhados, banhos etc.
Não há muitos anos, esta fonte reabastecia parte da população da Aldeia da Coutada,eu próprio cheguei a ir buscar água a este local...Há dias pus-me nos meus cuidados de curiosidade e visitei este lugar com bom caminho até a beira da água da respectiva fonte, que de momento não faz grande inconveniente pelo razão de todos os Aldeões terem água ao domicilio:

Mas não deixo de elogiar a fonte de mergulho que matou a sede a tanta gente, sem nada pedir em troca...Mas quanto a mim é sempre um património a ter em consideração...E no próximo verão prometo, na altura de maior calor vir de novo visitar este mesmo lugar, afim de certificar se o seu nascente continua com a mesma disposição de dar a mesma quantidade de água...

2 comentários:

M. Lourdes disse...

Joaquim
Também na minha aldeia acontecia o mesmo. À tardinha, muitas pessoas ali se juntavam para encher o cântaro e levar para casa. Era uma altura em que as pessoas conviviam enquanto esperavam pela sua vez.
Não era muito higiénico mas eram momentos muito agradáveis.
Beijinhos

Joaquim Angelo disse...

D. Lourdes eram outros tempos que nos deixaram belas recordações,embora pobres mas com muita vontade de vencermos na vida...Na verdade não era muito higiénico mas passei por muito pior...Crer beber água e não a termos, e quando a tinha-mos era poupada até a ultima gota...Bjs.