sábado, 29 de janeiro de 2011

RUA DO VALE COM AS SUAS HABITAÇÕES


NA RUA DO VALE.

Recordo-me muito bem que na minha adolescência ter entrado nesta habitação que na altura era de uma família  que se poderia dizer com boas propriedades para a época,e não sei por que motivo fui ao forro da dita habitação e vejo uma arma de caça estendida no chão.Arma essa que na época seria usado pelo próprio dono da habitação,obviamente que o dito senhorio seria caçador,e pela primeira vez na minha vida vi uma arma.A dona da casa ainda conheci,mas o dito marido da dona sinceramente já não tenho qualquer recordação do senhor.Os meus pais habitavam a poucos metros,ou seja logo no principio da rua,e aqui eu fui criado e neste lugar passei centenas de vezes se não milhares!..E ainda hoje sempre que me desloco a aldeia as pessoas me vê-em percorrer estes lugares que nunca esqueceremos.Poderão me perguntar que faz este individuo por estes lados?Já sabem o porquê!..Chamar a atenção,e tentar divulgar aquilo que existe na nossa aldeia!..Há coisas positivas e outras menos positivas!..Bem mas isto fica por agora para os responsáveis do poder local.Mas o meu sentimento de memória vêm no intuito de voz dizer que os anos passam mas o nosso cérebro é uma maquina bem aperfeiçoada e nele fica um rol de coisas que nunca esqueceremos durante a nossa vida,e esta e razão porque mais um episódio passado nesta aldeia que nos viu crescer.

quinta-feira, 20 de janeiro de 2011

PESSIMISMO DOS PORTUGUESES:


PAÍS PIOR DO QUE EM 1974!..

PORTUGUESES NÃO CONFIAM NOS GOVERNOS NEM NO PARLAMENTO:

A esmagadora maioria dos portugueses desconfia dos poderes políticos instituídos e está mal informa sobre o desenvolvimento do País nas ultimas décadas.Por isso,afirma que Portugal está pior do que no período anterior ao 25 de Abril de 1974.O inquérito feito pelo projecto Farol a 1002 pessoas mostra que 94% dos portugueses desconfiam ou confiam muito pouco na classe política,89%nos partidos políticos,84% na assembleia da República e 90% nos governos.E, quando é pedido um diagnóstico do País ,46% consideram que as actuais condições económicas e sociais são piores ou muito piores quando comparadas com a vida há 40 anos:Em relação a um passado mais recente,58%dos inquiridos entendem que a situação está pior ou muito pior do que antes da entrada na União Europeia.E o pessimismo é elevado em relação aos próximos dez anos:53% admitem que a situação económica será pior ou muito pior.
Para Belmiro de Azevedo,líder histórico da Sonae,que participou na apresentação do estudo,a amostra é constituída por gente que tem medo,o que motivou críticas do empresário ao papel dos políticos.

Deixe-mo-nos de folclore político eleitoral e comecemos o trabalho sério,pediu.Para Belmiro,o objectivo (das campanhas)não é esclarecer,é catequizar as pessoas no sentido de uma certa opinião.

O referido empresário diz que é tempo de deixar o folclore politico!..

Dina Ramos C.da Manhã 19 de Janeiro 2011.

quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

HABITAÇÕES TRANSFORMADAS EM CAIXOTES!.

Urbanizações!...

Isto acontece um pouco por todos os lados em redor das grandes cidades!...Isto vêm a propósito de quê?...Os cidadãos sabem bem porque estas coisa sucedem!...Em redor temos habitações de oito habitações por prédio e nos intervalos é esta pouca vergonha,torres mais torres até que cheguem ao céu!...Céu!...Disse eu!...Era num lugar desses que precisava-mos neste mundo que habitamos!...Mas enfim isto agora é que vai ser,vai sair tudo direitinho, e afinado!..Porquê?Então durante tantos anos as coisa ainda não entraram nos carris,mas agora sim!...De um dia para o outro vêm aí o milagre dos salvadores da Pátria!...Pátria!...Mas que é isso?...É verdade!...Para a semana temos já aí um presidente da republica eleito pelos votos do povo e com uma varinha magica,e num clique está o milagre das rosas!..Rosas que enviou cinquenta mil licenciados para o desemprego!..Licenciados no desemprego?...Sim senhor!...E muitos deles com um extraordinário currículo profissional...Será bem assim?Foi aquilo que li num jornal diário:Pois estas construções são precisamente como aqueles que ainda conseguem arranjar um trabalho porque teve um padrinho,que lhe desse uma ajudinha!...As construções esta no mesmo caminho.Quando há autorização do poder local,a troco não sei do quê, também se dá a liberdade de crescer até ao limite!...Qual é esse limite que está estipulado?...Pois isso também eu gostava de saber,mas como não conheço a lei fico por aqui!..Apesar de estes senhores serem de uma ideologia que se dizem de esquerda desde de 1974,também caiem nestes erros grosseiros!...Excepto,menos um mandato de quatro anos:

sábado, 15 de janeiro de 2011

ZÉZÉ POVINHO TRISTE:FICOU COM AS MÂOS NOS BOLSOS;TRABALHAR PARA QUÊ?PARA SER ROUBADO!...

Portugal Perdeu Uma Década!.

Dez anos do século xxi ficarão para a história de Portugal,com uma década perdida!...Estes dez anos afastou-nos bastantes dos países da comunidade Europeia,e para traz ficou o descalabro do desemprego que foi a única coisa que nos restou!...Nisto somos dos primeiros pela responsabilidade de alguns, Tótós que geram os fundos da união europeia, que deveria cada um gerir a sua parte!...Somos Tótos mas não todos porque uns são super espertalhões para nos lixarem!... Para limpar os fundos que diz respeito a todos os Portugueses!..Se não vejamos!...Dizem que cada Português está endividado com determinada quantia!..Então sendo assim quem deve que pague!...Isto é aquilo que os órgãos de informação denunciam em muitas notícias.Pergunto?Quem anda a comer aparte que me pertence?Porque é que os vencimentos,e as reformas recuaram, naquilo que recebemos durante estes dez anos?Para que queremos tantos parasitas na assembleia da republica?Para aprovarem leis afim de soltarem os ladrões que levam o Pais na ruína!...Façam leis sim para prender esses fora de lei.Fora com os parasitas!...Fora com os dráculhas que não têm moralidade!...

sábado, 1 de janeiro de 2011

OS MENINOS QUE BRINCAVAM NO LARGO DAS OLIVEIRAS

OS MENINOS QUE BRINCAVAM NO MEIO DAS OLIVEIRAS:

O menino que gostava muito de brincar e que aproveitava alguns momentos para se ausentar dos olhares dos pais para brincava no meio das oliveiras.E era num espaço com uma clareira no meio de oliveiras que estas maravilhosas crianças passavam o seu tempo algumas vezes de joelhos e gatinhando rastejando pelo chão afim de dar como o seu tempo bem aproveitado.Hoje este espaço que era utilizado por todas as crianças da nossa aldeia,jogando a bola outros jogando ao pião etc.
Hoje este espaço esta ocupado com vivendas e em alternativa pouco mais existe além de um curto espaço que foi inaugurado há pouco mais de um ano logo a entrada da aldeia,fornecido com um escorrega,um baloiço e pouco mais...As crianças de hoje também brincam de uma maneira diferente da dos seus pais ou dos seus avós.
Com o auxilio de professoras de educação,e mais algumas auxiliares mantém as crianças fixadas entre quatro paredes desde as sete horas da manhã até altas horas da tarde,e pouca oportunidade têm para ver a luz do dia...Raramente brinca no exterior,ou em espaços abertos aonde possam preparar as corridas que noutros tempos faziam parte da sua preparação física.É aquilo que as novas gerações de jovens tem metidas numa espesse de colete de força,e quando sai-em até ao ar livre em em tempo muito reduzido.